Arena de Ideias recebe especialistas para debater a Reforma Tributária

por | 15/07/2020 | Impressões

Foto: In Press Oficina

A 15ª edição do webinar Arena de Ideias abordará o tema “Reforma Tributária e Desenvolvimento da Economia”. A In Press Oficina receberá especialistas para debater a reestruturação do sistema tributário brasileiro e como isso pode contribuir para a recuperação econômica. A edição desta quinta-feira (16/7) trará diferentes visões da academia, da indústria e do setor público.

A reforma tributária retornou de vez à agenda política. Congresso, governo e indústria enxergam urgência na construção de um novo modelo para o sistema tributário no Brasil, pensando na recuperação econômica após a pandemia de Covid-19. No entanto, não há consenso quanto ao modelo, ou mesmo se há espaço na pauta para que a proposta seja aprovada ainda este ano.

O debate será moderado pela sócia-diretora da In Press Oficina, Patrícia Marins, e integrarão a mesa virtual:

  • Bernard Appy, diretor do Centro de Cidadania Fiscal e mentor da PEC 45/19, proposta de reforma que tramita na Câmara dos Deputados;
  • Mário Sérgio Carraro Telles, gerente de Política Econômica da Confederação Nacional da Indústria (CNI); e
  • Kleber Cabral, presidente do Sindicato Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil (Sindifisco Nacional).

Inscreva-se e receba o link de acesso ao webinar: https://bit.ly/2ZpVxg7


Reforma Tributária reforça aproximação do governo com Arthur Lira

Foto: Reprodução internet

Ganhou ainda mais força hoje a possibilidade de um imposto sobre transações digitais ser incluída na proposta do governo para a Reforma Tributária. Os rumores não vem de hoje: com a dificuldade em emplacar um tributo sobre movimentações financeiras, restringir o novo imposto aos pagamentos eletrônicos se tornou o cenário mais provável. Mesmo assim, a tarefa não será fácil, e o ministro da Economia, Paulo Guedes, dependerá dos novos arranjos do governo com o Centrão para concretizá-la.

Mesmo sem tributar todas as movimentações financeiras, ou seja, deixando de fora saques e depósitos, o novo imposto teria impacto significativo para o contribuinte. Segundo a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), 63% das transações bancárias foram feitas por internet ou mobile banking, totalizando mais de R$ 56 bilhões.

É desta forma que o deputado federal Arthur Lira (PP/AL) ganha ainda mais importância para as pretensões governistas. O líder do Centrão, que já recebeu a alcunha de líder informal do governo, será incumbido de conduzir as articulações do Ministério da Economia com o Congresso e dentro do próprio Centrão, que não tem opinião uníssona em relação a Bolsonaro.

Assim, será inaugurado um novo momento da relação entre Lira e Guedes. O deputado já chegou a afirmar que o ministro estaria mais preocupado com bancos que com o país. No entanto, Lira já se mostrou favorável ao impostos sobre transações digitais. “Se falamos de criar um imposto que não seja só virtual, mas também sobre operações financeiras de 0,2%, 0,1%, especialmente para esse fim social, quem iria ficar contra?”, disse o deputado em entrevista ao Valor.


Quem é – Arthur Lira

Foto: Cristiano Mariz

Arthur é filho do ex-senador Benedito de Lira, tradicional político alagoano. Ingressou na política em 1992, com apenas 23 anos, eleito vereador em Maceió. Exerceu dois mandatos na Câmara Municipal antes de se eleger deputado estadual, onde exerceu mais três mandatos. Em 2010, foi eleito deputado federal, onde se mantém desde então.

Lira era um dos nomes fortes do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha. Foi quem tentou, ao lado de Waldir Maranhão, hoje no PSDB, salvar o mandato de Cunha no processo de cassação. Mesmo após a prisão de seu padrinho político, o deputado se manteve como um dos principais articuladores do Centrão. alterando a liderança e a vice-liderança do bloco desde 2017.

Atualmente, Lira é um dos principais contatos do presidente Jair Bolsonaro com o Congresso. Foi através dele que Bolsonaro atuou para contra-atacar o isolamento político e, por isso, ganhou o apelido de “malvado favorito” do presidente da República.

Exímio articulador, Lira não é conhecido de posicionamentos públicos ou por discursos acalorados em Plenário, mas pelo seu trabalho nos bastidores. Assim, é um dos deputados mais capazes de mobilizar políticas e influenciar votações.


A reflexão


Hashtags do dia


Números do dia

Fonte: CONASS

Você conta com os times de Public Affairs e Comunicação Digital em Brasília. Somos especializados em:

  • monitoramento de redes sociais
  • business intelligence
  • treinamento de porta-vozes
  • mapeamento de stakeholders
  • monitoramento do ambiente de poder
  • pesquisas junto ao Executivo e Legislativo
  • estratégias de Public Affairs
  • advocacy
  • soluções LGPD
  • comunicação estratégica
  • conteúdo para redes sociais
  • comunicação digital