Cardápio político

por | 05/10/2020 | Impressões

Foto: Agência Câmara

Entre pizzas, cafés da manhã e jantares, autoridades do governo federal tentaram, nos últimos dias, azeitar o relacionamento com o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal. Se antes as conversas de articulação aconteciam em restaurantes conhecidos pelo vaivém político, como o Piantella do Dr. Ulysses e o Feitiço Mineiro do PT, agora, ainda em tempo de pandemia, as comidinhas estão sendo servidas nas salas de jantar das residências oficiais.

No cardápio político:

  • indicação do desembargador Kassio Nunes Marques pelo presidente Jair Bolsonaro à vaga de Celso de Mello no STF. Marques, Bolsonaro e o presidente do Senado Federal, Davi Alcolumbre (DEM/AP), estiveram juntos na casa do ministro do STF Dias Toffoll no sábado à noite.
  • julgamento do recurso sobre o formato do depoimento do presidente Jair Bolsonaro no inquérito sobre suposta interferência política na Polícia Federal. Celso de Mello ainda pode trabalhar para que o depoimento seja presencial.
  • orçamento 2021. Nesta segunda, o café da manhã do Executivo foi com o Legislativo. Em seu primeiro compromisso oficial depois de se recuperar da Covid-19, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM/RJ), dividiu o suco de laranja e o pão francês com o presidente Jair Bolsonaro e o relator do Orçamento, senador Márcio Bittar (MDB-AC). O café da manhã foi no Palácio do Alvorada. Segundo a Agência Câmara, eles conversaram sobre o Orçamento de 2021, que deve contar com um déficit substancial nas contas públicas por causa da pandemia de coronavírus. 

Pesquisa revela risco a pacientes cardíacos

Foto: Época

O medo de contágio e de aglomerações na pandemia afugentou pacientes das clínicas cardiológicas. O grave desse comportamento, segundo detectou a pesquisa do Instituto Brasileiro de Pesquisa e Análise de Dados (IBPAD), em parceria com a Edwards Lifescienses, é que até mesmo quem realmente precisava de atendimento ficou em casa.

Entre os 2 mil entrevistados, 18% relatou ter sentido, durante seis meses da pandemia, um dos seguintes sintomas: dor no peito, dor no coração ou dormência no braço. Mesmo assim quase metade desse grupo preferiu não ir ao hospital por ser do grupo de risco ou por receio de voltar contaminado com a Covid-19. 

A pesquisa “Os brasileiros e os cuidados com o coração” foi apresentada em debate virtual  para comemorar o Dia Mundial ldo Coração, na Câmara dos Deputados, na sexta-feira.

PIX: bancos e fintechs disputam clientes

Foto: Banco Central

Três letrinhas movimentaram o mercado hoje: PIX, nome atribuído ao novo meio de pagamento instantâneo que passará a funcionar em 16 de novembro. A largada oficial para o registro de chaves (celular, e-mail, CPF ou aleatória criada pelo sistema) atingiu a marca de 3 milhões nas primeiras oito horas.

Um sucesso, segundo avaliações do Banco Central, idealizador do sistema que, entre outros efeitos, reduzirá custos de operações financeiras, democratizará o uso de meios de pagamento, ampliará a competitividade entre bancos e fintechs habilitadas a oferecer o novo serviço.

Qualquer cidadão com um telefone celular, sem cartões ou documentos, poderá fazer transferências, pagar compra ou até contas de serviços públicos, como a de luz. Empresas também poderão usar o sistema em suas operações.

A disputa por clientes promete. Até agora, 677 instituições financeiras estão autorizadas a operar a novidade. Na corrida por clientes, bancos começaram a oferecer até sorteio de prêmios a quem usasse o aplicativo para registar a chave do PIX.

A Reflexão

Arte: In Press Oficina

#Hashtags do dia

Números do dia

Arte: In Press Oficina | Fonte: Conass

Você conta com os times de Public Affairs e Comunicação Digital em Brasília. Somos especializados em:

  • mapeamento de stakeholders
  • monitoramento do ambiente de poder
  • pesquisas junto ao Executivo e Legislativo
  • estratégias de Public Affairs
  • advocacy
  • soluções LGPD
  • comunicação estratégica
  • conteúdo para redes sociais
  • comunicação digital
  • monitoramento de redes sociais
  • business intelligence
  • treinamento de porta-vozes