Gestão de dados da saúde é fundamental e demanda comunicação certeira

por | 24/07/2020 | Arena de Ideias, Notícias

A 16ª edição do webinar semanal Arena de Ideias, trouxe para o debate virtual o tema “Saúde na era da informação: ciência de dados para a inovação na indústria e no setor público”, Na mesa virtual de debates, um consenso: a gestão de dados da saúde será essencial para sairmos da crise, mas será preciso ética, união de setores e comunicação eficiente.

 Contamos com a participação do professor e pesquisador Daniel Soranz do Centro de Estudos Estratégicos da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz); da diretora de Relações Institucionais da Sanofi, Isabela Vargas; da a gerente sênior de Public Affairs da Edwards Lifesciences, Márcia Alves; e da sócia-diretora da In Press Oficina e especialista em gestão de crise, imagem e reputação, Patrícia Marins.

Ética e transparência

 

Para Márcia Alves, da Edwards Lifesciences, um melhor uso da base de dados na saúde pela indústria passa pela ética e transparência.

“É preciso que a indústria trabalhe dentro dos princípios da ética e compliance. Hoje, com a existência de fake news e autoridades desalinhadas na gestão da informação, o aprimoramento da comunicação é fundamental. É preciso muito trabalho para construir bases mais sólidas”, pondera.

A diretora da Sanofi, Isabela Vargas acredita que um dos pontos chave é a união entre os setores público, privado e a sociedade e destaca a transparência como o papel mais importante da indústria nesse momento.  

“Os dados de saúde são extremamente sensíveis. A sociedade espera uma solução rápida e definitiva, mas enquanto ela não vem, é preciso ser o mais transparente possível para não gerar expectativas que não são reais.  É preciso união em uma única na direção – a prevenção. Assim, podemos reduzir o número de casos”, conclui.

 O professor e pesquisador do Centro de Estudos Estratégicos da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz), Daniel Soranz considera que falhas no processo de comunicação e na interpretação dos dados da epidemia prejudicam o combate à Covid-19 no Brasil.

“Nesta pandemia, vemos uma bagunça generalizada na informação. Os dados são passados com interpretação muito desordenada”, afirmou Soranz, nesta quinta-feira (23), durante webinar promovido pela In Press Oficina. 

 

Gestão de dados para a tomada de decisão

 

O pesquisador lembrou que as tomadas de decisão durante a pandemia, como a reabertura e reorganização dos serviços, são baseadas nas informações e que o fato de alguns estados e municípios segurarem dados de notificação fez com que as informações não refletissem a realidade da proliferação da doença no país. 

 “No Rio de Janeiro, o pico da pandemia aconteceu em maio, com mais de mil óbitos simultâneos. Entretanto, só foi possível enxergar essa realidade retroativamente. A ausência de coordenação do Ministério da Saúde e o sistema de notificação permitiram que essa informação não chegasse a tempo da tomada de decisão”, analisa. O professor defendeu que a pasta retome o protagonismo na organização dos dados sobre a doença no país. 

 De acordo com Patrícia Marins, conceitos fundamentais foram deixados de lado na gestão comunicacional da pandemia.

“O dado é a matéria-prima da comunicação e tem papel fundamental, inclusive, para prevenir novas ondas de contaminação, acelerar tratamentos e para a identificação, de fato, dos picos e focos da doença. Entretanto, é necessária a organização da gestão de comunicação dessas informações”, defende. 

 Segundo ela, é fundamental que essa gestão dos dados seja feita com transparência e unidade de discurso. “A transparência com que o dado é utilizado também é fundamental. Além disso, não se faz comunicação sem unidade e, desde o começo da crise, não temos uma única narrativa. Na realidade, temos guerras de narrativas e crises geradas por essas guerras. Sem a união desses fatores no processo comunicacional, continuaremos batendo cabeça na pandemia”, garante.

Saúde na era da informação: ciência de dados para a inovação na indústria e no setor público. Assista na íntegra: 

 

O Webinar Arena de Ideias da In Press Oficina acontece toda quinta-feira no nosso canal do YouTube.

Fique por dentro

Quer ficar por dentro de tudo que acontece na política em Brasilia e temas do Arena de Ideias primeiro? Inscreva-se aqui e tenha acesso aos nossos conteúdos exclusivos. 

Leia mais conteúdos sobre enfrentamento de crise que preparamos para você: