fbpx

Investimentos em infraestrutura através de PPPs e concessões públicas são apostas para retomada da economia

por | 26/11/2020 | Arena de Ideias

A pandemia do novo coronavírus reduziu a capacidade financeira de municípios, estados e União e limitou os investimentos em melhorias dos serviços públicos e infraestrutura. Diante desse cenário, a principal aposta do governo e da iniciativa privada para a retomada da economia são as parcerias público privadas (PPPs) e as concessões públicas. O tema foi debatido no webinar “Parcerias e concessões: caminho para desenvolvimento e sustentabilidade”, transmitido na última quinta-feira (26), no canal da In Press Oficina no YouTube.

Webinar Arena de Ideias discute as alternativas para viabilizar investimentos e obras de melhorias diante da escassez de recursos públicos

“Os governos não têm dinheiro. Por isso, se nós pudermos passar para a iniciativa privada, os resultados seriam fantásticos. É o caminho tanto para o governo federal, quanto para os estaduais, e, mais ainda, para os municipais”

Afirma o secretário de Fomento e Apoio à Parcerias de Entes Federativos da Secretaria Especial do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) do Ministério da Economia, Wesley Cardia

No entanto, o superintendente da Área de Estruturação de Parcerias de Investimentos do BNDES, Cleverson Aroeira, ressalta que as empresas privadas têm que cumprir uma série de requisitos e comprovar eficiência.

“Estamos falando em contratos de longo prazo, em que o parceiro público vai se relacionar com o parceiro privado com uma série de obrigações, investimentos e indicadores de atendimento com objetivo de melhorar o serviço”, diz.

Para o diretor-executivo de Novos Negócios da Iguá Saneamento, André Salcedo, “os contratos de PPPs e concessões devem aproveitar o que cada parte tem de melhor”. Ou seja, o ente privado entra com o investimento e o setor público com a regulação e a fiscalização.

Projetos totalizam cerca de R$ 200 bilhões em investimentos

De olho nessas oportunidades, o BNDES tem uma série de projetos para os próximos anos em áreas como portos, saneamento e iluminação pública. É uma carteira com quase 50 projetos e quase R$ 200 bilhões em investimentos em áreas como iluminação pública, saneamento e mobilidade urbana.

Diante de tantos números expressivos, a sócia-diretora da In Press Oficina, Patrícia Marins, diz que a comunicação exerce um papel importante para informar a sociedade sobre os projetos que estão em andamento e eliminar dúvidas ou informações equivocadas.

“A comunicação assertiva em toda a cadeia dos projetos que vocês estão envolvidos é fundamental. Não basta só na largada, tem que ser uma comunicação perene, o tempo inteiro, envolvendo todos os agentes que estão dentro dos projetos”, recomenda.

Para acompanhar tudo que aconteceu no debate, acesse nosso canal no YouTube e assista na íntegra! Nossa Arena de Ideias acontece toda quinta-feira, às 9h30, lá no canal.

Perdeu algum Arena? Assista aos últimos episódios: