Maia e Alcolumbre dão passo pela reeleição

por | 17/09/2020 | Impressões

Foto: Adriano Machado | Reuters

Não é novidade a intenção dos presidentes da Câmara dos Deputados e Senado Federal, Rodrigo Maia (DEM/RJ) e Davi Alcolumbre (DEM/AP) de garantir a reeleição às presidências das Casas no próximo ano.

Hoje (17/9), os parlamentares receberam uma notícia animadora. A Advocacia-Geral da União (AGU) defendeu no Supremo Tribunal Federal (STF) que não cabe ao Judiciário, mas ao próprio Congresso, decidir sobre o assunto. Dessa forma, a reeleição poderia ser garantida por resolução interna.

Eleição de Alcolumbre é mais provável
Mais bem-relacionado com o governo, a reeleição de Davi Alcolumbre (DEM/AP) parece mais certa que a de Rodrigo Maia (DEM/RJ), que conta com resistência do governo. Alcolumbre também tem a seu favor um bom trânsito com o MDB, maior bancada do Senado e cada vez mais forte junto ao Executivo Federal.

Reformas pesam a favor de Rodrigo Maia
Ainda que Maia seja um desafeto de Bolsonaro, o desejo compartilhado de aprovação das reformas estruturantes favorece o atual presidente da Câmara. Além disso, o deputado tem boa relação com secretários e técnicos do Ministério da Economia, por mais que não tão boa com o próprio ministro Paulo Guedes.

Também não há, hoje, parlamentar capaz de conduzir a pauta como o filho de César Maia. Nem mesmo o alagoano Arthur Lira (PP), “malvado-favorito” e aliado de Bolsonaro no Centrão, ou Baleia Rossi (MDB/SP), a quem o MDB pretende emplacar na negociação com o DEM.

A nova Economia: principais mudanças da equipe econômica

De 2019 para cá, a equipe montada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, para ocupar cargos e liderar as políticas econômicas do governo foi praticamente toda reconfigurada. Nesta semana, mais duas saída se tornaram iminentes: a de Waldery Rodrigues, secretário da Fazenda, e de Carlos da Costa, secretário de Produtividade.

Veja abaixo as principais mudanças na equipe econômica desde o ano passado:

Waldery foi ainda consultor de políticas econômicas no Senado Federal e assumiu função de consultor legislativo no gabinete do ex-senador Cristovam Buarque, à época filiado ao PDT do Distrito Federal.

Rádio amplia audiência e exerce papel fundamental

Foto: AC24h

O rádio ainda é uma das principais fontes de informação da população brasileira e teve papel fundamental durante a pandemia, especialmente pela sua credibilidade e utilidade pública. De acordo com dados divulgados pelo Kantar IBOPE Media, 77% dos entrevistados afirmaram que escutam a programação das emissoras de rádio durante o isolamento social. O papel do rádio e o crescimento da audiência nesse período foram tema do webinar Arena de Ideias, transmitido hoje (17/9) pela In Press Oficina.

O bate-papo contou com as participações do jornalista da rádio CBN, escritor e palestrante, Milton Jung; do presidente da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert), Flávio Lara Resende; do fundador e diretor-geral da Agência Radioweb, Paulo Gilvane Borges; e da sócia-diretora da In Press Oficina e especialista em gestão de crise e reputação, Patrícia Marins. A moderação do debate foi da diretora do núcleo de relacionamento com Poder Público da In Press Oficina, Fernanda Lambach.

Leia completo no blog: https://bit.ly/35LfBgp

A Reflexão

Arte: In Press Oficina

#Hashtags do dia

Arte: In Press Oficina

Números do dia

Arte: In Press Oficina | Fonte: Conass

Você conta com os times de Public Affairs e Comunicação Digital em Brasília. Somos especializados em:

  • mapeamento de stakeholders
  • monitoramento do ambiente de poder
  • pesquisas junto ao Executivo e Legislativo
  • estratégias de Public Affairs
  • advocacy
  • soluções LGPD
  • comunicação estratégica
  • conteúdo para redes sociais
  • comunicação digital
  • monitoramento de redes sociais
  • business intelligence
  • treinamento de porta-vozes